Obras do BRT Transbrasil e do Porto Maravilha são retomadas
Obras no Rio de Janeiro

As obras que irão concluir o Bus Rapid Transit (BRT) Transbrasil e revitalizar o Porto Maravilha foram retomadas neste mês de agosto. A linha de ônibus vai ligar Deodoro ao Centro do Rio de Janeiro pela Avenida Brasil. O retorno conta com a ajuda do financiamento do Programa de Infraestrutura de Transporte e da Mobilidade Urbana (Pró-Transporte), do Ministério das Cidades. No Porto Maravilha, será retomada uma parceria Público-Privada para revitalização e ampliação.

“Esse é o momento para celebramos. Tanto as obras do BRT, quanto o Porto Maravilha, geram mais emprego, renda e aquecem a economia do nosso país. Retomar obras paralisadas é uma das nossas grandes prioridades”, enfatizou o ministro das cidades, Alexandre Baldy. É intenção também do Ministério levar moradias do Programa Minha Casa, Minha Vida à região do Porto Maravilha. “Vamos trabalhar para direcionar cinco mil novas moradias para a região. Ótima ideia do presidente da Caixa, Nelson de Souza, para que a gente consiga habitar o local”, destacou Baldy.

BRT Transbrasil

De acordo com a Prefeitura, o desenho original, licitado em 2014, previa um trajeto menor, até o Caju. Porém, o Ministério das Cidades, a Caixa Econômica Federal e a Prefeitura do Rio de Janeiro fecharam um acordo para estender a via expressa até o Centro, sem impactar no orçamento original, anteriormente licitado em R$ 1,4 bilhão. A conclusão deve ser em 12 meses. “Com 80% do projeto prontos, a obra deve ser concluída em um ano e gerar cerca de duas mil vagas de emprego”, informou a Prefeitura.

O BRT Transbrasil possui 27 quilômetros de extensão, 20 estações e cinco terminais de integração. Em Deodoro, é interligado com o corredor Transolímpico, inaugurado em julho de 2016, que vai até a Barra da Tijuca e ao Recreio dos Bandeirantes.

Porto Maravilha

A Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (CDURP) e o Fundo de Investimento Imobiliário Porto Maravilha (FIIPM) assinaram o Memorando de Entendimento, que tem o objetivo de garantir a retomada da Parceria Público-Privada do Porto Maravilha para revitalização e ampliação.

Segundo a Assessoria de Comunicação do Ministério das Cidades, a revitalização do Porto Maravilha reúne um plano de implantação de nova infraestrutura urbana, renovação do sistema de mobilidade e transportes e ainda recuperação do patrimônio material e imaterial.

aqui

Gostou deste conteúdo? Faça um comentário!

avatar
Fechar Menu